domingo, 20 de novembro de 2011


felicidade mascarada

as cores do mundo se perdem
entre nuvens cinzentas onde
não se forma os arco-íris de alegria
a terra definhou,a vegetação secou

os sorrisos tornaram-se  homeopáticos
o sol perdeu o brilho azul do céu
findou,foi embora junto com
a brisa  acolhedora

do asfalto brotam lagrimas
de um sonho que se perdeu
entres verdades desencontradas
e musicas desafinadas

a beira da ausência a dor
invadi os pensamentos
o levando ao choro silencioso
da felicidade mascarada.

Márcia Lyrio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog

Páginas